Rondinelli Fortalesa

No vigésimo quinto dia de abril de 1984 uma estrela explodiu em algum lugar e o suspiro de vida desta estrela nasceu como um menino em Caçú-Goiás, ganhou o nome de Rondinelli Fortalesa, morou em Rio Verde, Goiânia e Jataí toda sua infância e adolescência. Ele gostava muito de passar as férias no sítio de seu avô Abel onde ele e seus primos brincavam de RPG rural, isso mesmo, subir em árvores e imaginar que eram naves espaciais, andar pelas matas e fingir serem feiticeiros, criaturas mágicas e monstros ferozes. Ele levou isso consigo e tomou gosto por ficção fantástica. Em 2002 após tornar-se fanático por Matrix, entrou para faculdade para estudar tecnologia no IFG. Nessa época as memórias de sua vida como estrela começaram a brotar e ele escrevinhou os rascunhos sobre a criação de Oldar. Em 2005 mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar modelagem e animação 3D na UVA da Barra da Tijuca. Nos momentos de solidão na Cidade Maravilhosa sua memória da vida de estrela se tornou ainda mais latente, então ele juntou diversos rascunhos para formar o universo onde o planeta Oldar se formou e seus seres nasceram, descrevendo a criação do mundo até a primeira grande guerra, a Guerra da Traição. No ano de 2012 participou da FLIT em Palmas, Tocantins com seu livro Oldar – Guerra da Traição que foi auto-publicado. As memórias da estrela são muitas, então em 2013 ele expandiu o mundo político de Oldar, viajando no tempo e espaço para além das terras de Edammael e do continente Leste dando origem à saga Crônicas de Oldar. Atualmente está envolvido com magos de sangue parentes de magos pleiadianos.

e-mail

rondinellifortalesa@gmail.com

Redes sociais

® Crônicas de Oldar